Category Saúde Masculina

Tudo Sobre Impotência Masculina

O que é impotência ou disfunção erétil?

É a incapacidade de obter ou manter a ereção do pênis com rigidez necessária para uma relação sexual satisfatória para ambos os parceiros.

Esta incapacidade deve ocorrer com uma frequência de pelo menos 50% das tentativas. Episódios isolados de incapacidade ou “falhas” não caracterizam a impotência.

Como diagnosticar?

 

Falhas eventuais ocorrem a qualquer homem pelo menos uma vez na vida. Mas quando é frequente, lembre-se que a causa pode ser um problema circulatório que impede a irrigação do pênis e que pode oferecer outros fatores de risco à sua saúde.

Procure um profissional da área (urologista), que através das suas informações e exames poderá lhe dar um diagnóstico preciso.

Quais são as causas?

As causas são bem variadas e podem ser físicas e orgânicas (85% dos casos):

  • Diabetes
  • Hipertensão
  • Uso abusivo de álcool
  • Tabagismo (fumo)
  • Uso de drogas
  • Distúrbios hormonais (queda de testosterona por exemplo)
  • Doenças neurológicas (mal de Parkinson por exemplo)
  • Doenças vasculares
  • Obesidade
  • Consumo prolongado de alguns medicamentos
  • Fibrose dos corpos cavernosos (mais raro)
  • Psicológicas ou emocionais:
  • Traumas (histórico de abuso sexual, acidente, morte familiar, falência etc.)
  • Fracasso sexual. (Episódio isolado)
  • Autoestima baixa (muitas vezes baseadas em padrões estéticos exagerados)
  • Conflitos amorosos (relacionamentos conturbados).

Tem tratamento?

A medicina avançou bastante nesta área. Especialistas arriscam em afirmar que só sofre com a disfunção erétil quem quiser.

Qualquer tratamento deve ser indicado pelo médico.

  • Medicamentos orais

Geralmente esta é a primeira opção usada pelos médicos. Os medicamentos orais como o Tittanus melhoram o fluxo do sangue facilitando a irrigação do pênis propiciando a ereção. Devem ser ingeridos antes da relação (em média 2 horas) e variam quanto ao seu tempo de ação.

  • Injeção intra-cavernosa

Esta opção é indicada quando os medicamentos orais não surtem efeito. A medicação é injeta diretamente no pênis, estimulando a circulação rapidamente. O tempo de duração varia de acordo com a dose.

  • Prótese peniana maleável

Este é um tratamento mais complexo pois requer intervenção cirúrgica. A maleável é a mais simples e tem um custo considerado baixo. É introduzido uma haste metálica (envolvida em silicone) no pênis que lhe oferece uma ereção rígida 100% do tempo.

  • Prótese peniana inflável

Neste caso é introduzido cilindros no pênis que se ligam a uma “bombinha” com líquido (que simula o sangue). Esta prótese é acionada no momento que o paciente deseja a ereção e o pênis retorna ao estado flácido quando pressionado para baixo.

  • Terapia

Quando a causa for psicológica, certamente seu médico vai lhe encaminhar para um terapeuta, como você pode ver no vídeo abaixo: